Testei Pão de queijo Fit – Forno de Minas

Pão de queijo Fit Forno de Minas

Tá aí um assunto que mineiro é fera – sem modéstia à parte. Já tivemos até a sexta-feira do pão de queijo aqui no blog, testando diversas marcas e fazendo um ranking entre elas. Prova que somos fãs mesmo!

A parte difícil de avaliar pão de queijo pra quem é de Minas Gerais é que é o lugar que literalmente se fazem os melhores pães de queijo do país. Então, se não tomarmos cuidado, somos até “chatos”, rs.

Eu amo cozinhar, principalmente pratos tradicionais da minha terrinha, mas na hora de pensar em praticidade, é claro que nada melhor que aquele tipo de produto de tirar da embalagem, colocar no forno, esperar e pronto.

E a Forno de Minas é uma das marcas mais tradicionais nesse quesito, e o melhor, é 100% mineira. E com essa onda saudável que vem tomando conta do Brasil nos últimos tempos eles lançaram o pão de queijo Fit, sem lactose e sem glúten. Só conhecemos esse produto por causa do Pedro Rangel no Instagram.

Pedido de leitor é uma ordem, então vamos lá!

Aparência

Aparência pão de queijo Fit Forno de Minas

Nesse quesito ‘à primeira vista’, os pãezinhos são meio feios, são mais escuros e não parecem muito pão de queijo.

Confira também: Pão de queijo 100% mineiro

Sabor

Pão de queijo Fit Forno de Minas

Quando tirei do forno, o cheiro que vem já é bem diferente, então não esperava tanto sabor de pão de queijo. E de fato não tem tanto mesmo, até pela mistura com os grãos que se sente quando mastiga e por não ter tanto gosto queijo. Parece mais um bolinho que exatamente um pão de queijo.

Interior pão de queijo Fit Forno de Minas

Se for levar em conta que o produto é sem lactose ou glúten, e pessoas com essas intolerâncias têm bastante limitação na hora de comprar (pães de queijo) industrializados ou não, eu diria que é uma boa pedida. Ou pra quem busca opções mais saudáveis pra incluir na alimentação também é interessante.

Eu compraria novamente, mas a verdade é que se for pensar nas opções tradicionais, com certeza o Fit não seria minha opção número 1.

Paguei R$10,50 pela embalagem de 300g. Um pouquinho salgado o preço.

O modo de preparo, tabela nutricional e outras informações aqui.

Se experimentar, me conta sua opinião.

Banner Facebook