Testamos o festival de hambúrgueres do Outback. Valeu a pena?

Festival de Hambúrgueres do Outback

Em setembro noticiamos aqui o lançamento do festival de hambúrgueres do Outback, com 3 opções de lanches: Bloomin’ Picanha Burger, Dark Mushrooms Burger e Firecracker Shrimp Burger.

Deu muita vontade de experimentar, mas só este mês fomos conhecer o cardápio do festival.

Cardápio Outback

Como estávamos em 3 (eu, a Fabíula e o Tales), pedimos logo as 3 opções, cada um a que mais agradava pelos ingredientes – e no fim, poderíamos testar todas.

Escolhas feitas, esperamos uns 20 minutos e já estavam na mesa.

Logo de cara, uma surpresa boa, a aparência de todos era incrível, muito fiéis às imagens de divulgação, bem montados, recheados e grandes. Ponto!

A EXPERIÊNCIA COM OS HAMBÚRGUERES

Bloomin’ Picanha Burger

R$43 (acompanhado de batata frita): o mais simples de todos, feito com: 1 hambúrguer de picanha de 240g, cebola Bloomin’Onion®, queijo emmenthal (ou queijo Suiço aqui no Brasil), bacon e molhos à base de maionese e ketchup.

[Tales] De modo geral, achei a combinação excelente. Ele veio com o hambúrguer de picanha ao ponto para bem passado, a carne muito macia e bem temperada, pétalas crocantes da tradicional cebola Bloomin’Onion®, fatias de queijo bem derretidas e bastantes pedaços de bacon. Fora os molhos à base de maionese e ketchup, que dão o toque, vem em uma boa quantidade e deixam o lanche mais úmido e com surpresas pro paladar. Tem ainda o pão tipo brioche, muito macio. Gostei bastante. Experimentei os 3 e esse foi meu preferido, simples, mas no “ponto”.

Confira também: O que achei dos lançamentos do McDonald’s? Duplo Quarterão e Junior Mex

Dark Mushrooms Burger

Dark Mushrooms Burger Outback

R$43 (acompanhado de batata frita): cogumelos shiitakes salteados ao estilo da casa, que também é novidade no menu, carne bovina de 200g, cebola caramelizada reduzida em azeite balsâmico, queijo gruyère e fatias de bacon no pão australiano.

[Fabíula] Eu sou apaixonada por cogumelo, não importa o tipo, então imagina a minha felicidade por ver aquele hambúrguer com os ‘cogumelões’ na minha frente. No começo achei que poderia ser cogumelo e cebola demais no mesmo lanche, mas deu muito certo e achei a quantidade suficiente (ps: se você não gosta muito de comidas com bastante cogumelo e cebola, passe longe!). A única coisa que eu mudaria nele, é que ao invés do pão australiano, preferiria que tivesse sido com brioche ou pão tradicional de hambúrguer. Achei que o pão australiano roubou um pouco a cena dos ingredientes do recheio. Mas não comprometeu, só teria sido melhor, ao menos pro meu paladar. Quanto ao meu preferido, vou fazer suspense, por enquanto…

Firecracker Shrimp Burger

Firecracker Shrimp Burger Outback

R$44 (acompanhado de batata frita): camarões empanados no molho Firecracker (levemente picante e com toque adocicado) e hambúrguer de 200g no pão tipo brioche.

[Ébert] Alguns lançamentos se destacam diante de outros. Talvez por seu diferencial, ou mesmo por gosto pessoal – e pelos dois motivos, esse lanche foi a minha primeira opção de escolha desde que peguei o cardápio em mãos. “Quero o com camarão!”.

A primeira impressão ao ver o lanche é o cuidado no preparo dos camarões, super uniformes e bonitos. Eles vêm empanados no molho especial Firecracker (molho levemente apimentado e adocicado), que faz com que os camarões fiquem com uma casquinha crocante, mas ao mesmo tempo macia. O hambúrguer de 200g e pão tipo brioche (decorado com a logo do restaurante) compõem o restante lanche.

Logo Outback Hambúrguer

A mistura de todos os ingredientes gera uma sensação única; a leve crocância dos camarões e o apimentado com o hambúrguer de carne bovina, realmente o mais surpreendente de todos (ao menos pra mim e pra Fabíula, que fez suspense, porque não queria contar antes da minha opinião.)

As batatas -, coadjuvantes, mas não menos importantes

As batatas que acompanharam todos os lanches também estavam sensacionais. Numa boa quantidade, sequinhas e com a tradicional pimenta preta do Outback que faz toda a diferença.

Valeu a pena?

Valeu super a pena! Pode juntar a família ou os amigos – ou todo mundo – e ir experimentar antes de acabar o festival. Investimento de tempo e dinheiro super bem feitos!

Já experimentou? Ou deu curiosidade?

Banner Facebook