As ferramentas para marcenaria são essenciais no projeto de criação de móveis e outros produtos, pois são elas que ajudam a esculpir a madeira da forma desejada, acrescentando detalhes e dando formas.

Algumas ferramentas são mais fáceis de se encontrar e de se utilizar na marcenaria, como é o caso das manuais e boa parte das elétricas, já outras, demandam maior tempo de estudo para um bom manuseio, como as máquinas, por exemplo.

Neste artigo vamos apresentar as ferramentas para marcenaria manuais e elétricas; confira!

Ferramentas para Marcenaria Manuais

Ferramentas para Marcenaria Manuais
(Pixabay/Reprodução)

As ferramentas para marcenaria manuais são as mais comuns e, em geral, as mais baratas.

Elas são indicadas principalmente para pequenos projetos – embora também sejam usadas nos grandes, dependendo do que está sendo feito -, ajudando na confecção de móveis e outros objetos de madeira.

Confira abaixo algumas das principais ferramentas de marcenaria para pequenos projetos:

  • Martelo pequeno/médio: existem vários formatos e modelos de martelo no mercado;
  • Marreta de borracha: sua cabeça macia permite golpear materiais sem que sejam marcados ou danificados;
  • Espátula: existem vários formatos e modelos de espátula no mercado. São usadas para dar acabamento;
  • Estilete: para operações de corte;
  • Serrote: existem vários formatos e modelos de serrote no mercado. São usados no corte;
  • Lápis ou lapiseira: para traçar marcações;
  • Grampos e Sargentos: ferramentas auxiliares que funcionam como uma prensa usadas na fixação de objetos;
  • Alicate universal: o modelo mais comum e pode ser usado em tarefas variadas, desde cortar, dobrar, puxar e etc.;
  • Serra Copo: usada com furadeiras na realização de cortes cilíndricos. É ferramenta imprescindível em trabalhos com materiais tipo granito, mármore, concreto em geral, madeira, aço, cerâmica, entre outros;
  • Arco de serra: utilizado em cortes de diferentes tipos de materiais, entre eles, a própria madeira. Consiste em um objeto em formato de ‘arco’ que leva uma lâmina que pode ser trocada;
  • Formão: corta e entalha a madeira com o auxílio de um martelo;
  • Raspadores e Raspilhas: usados no processo de acabamento em peças planas ou curvas, ou mesmo na remoção de tintas e vernizes;
  • Grosa: uma ferramenta de desbaste de madeira. Muito semelhante à lima, porém com dentes maiores;
  • Lima: também usada no desbaste de metais macios e madeira. Os formatos mais comuns de lima são a chata, a triangular, a meia cana, a redonda e a faca;
  • Graminho: instrumento de tirar medidas pequenas (aproximadamente até 10 cm), utilizado normalmente em trabalhos com madeira;
  • Esquadro: indispensável na hora de traçar os cortes que serão realizados na madeira;
  • Suta: instrumento ajustável utilizado onde é necessário medir e traçar ângulos;
  • Régua: uma régua reta que te auxilia no controle do plano das superfícies.

Ferramentas para Marcenaria Elétricas

Ferramentas para Marcenaria Elétricas
(S.O.S Construções/Reprodução)

As ferramentas de marcenaria elétricas são indicadas para projetos médios – embora também seja possível confeccionar produtos grandes com elas, desde que tenha um maior prazo -, boa parte são muito utilizadas em pequenas marcenarias ou uso pessoal.

Os preços dos produtos variam bastante de acordo com a marca e a potência desejada.

Confira algumas das principais ferramentas de marcenaria nesse segmento:

  • Parafusadeira: parafusar ou atarraxar porcas e parafusos com muita facilidade e menor esforço físico;
  • Furadeira/Furadeira de impacto: existem diferentes modelos e marcas de furadeiras elétricas, é preciso saber qual se adéqua em suas atividades;
  • Serra Tico Tico: utilizada no corte de materiais rígidos, como metais, madeiras, cerâmicas, azulejos, drywall, MDF e outros. Ela realiza cortes retos ou curvos;
  • Serra Circular: existem vários tipos de serras elétricas, destinadas ao corte de madeiras. São econômicas, pois funcionam com cabo ou bateria;
  • Lixadeira Orbital: indicada no acabamento em superfícies de aço e metal, elas são leves e pode ser encontradas em formato retangular ou quadrado;
  • Lixadeira Roto Orbital: além de orbitar, ela gira, permitindo o acabamento perfeito em peças planas de aço ou madeira;
  • Lixadeira angular: desgasta diferentes tipos de superfícies abauladas de forma circular. Feita com a função de desbaste, essa lixadeira não é indicada na realização de acabamento;
  • Lixadeira de cinta: como a lixadeira angular, a lixadeira de cinta também é utilizada apenas no desbaste de vários tipos de superfícies. Sua lixa em formato de cinta permite a retirada grandes quantidades de materiais, por isso auxilia nos trabalhos mais difíceis;
  • Plainas: são utilizadas no nivelamento e determinam a densidade das peças em sua fabricação;
  • Tupia laminadora: sua principal função é refilar laminados;
  • Tupia de coluna: feita para ser operada com as duas mãos, oferece uma regulagem precisa e maior segurança na operação;
  • Pinador e Grampeador Pneumáticos: possibilitam o uso de grampos e pinos. Usados em tapeçarias, móveis, caixas de papelão, artesanato e etc.;
  • Micro Retífica: pode ser usadas no corte e perfuração de superfícies diversas – penetrando desde o plástico ao ferro;
  • Esmerilhadeira: composta por um pequeno motor elétrico que aciona um disco, conhecido como esmeril, que faz o acabamento personalizado.
  • Brocas e Ponteiras: alguns exemplos são Broca de Videa, Brocas Aço Rápido, Ponteiras Ph1, Ph2 e Ph3, Broca escariadora e Broca 35mm (com ou sem limitador).

Caso você esteja pensando em começar um negócio ou a criar pequenos móveis ou objetos para a sua casa, veja o vídeo abaixo com dicas de 10 ferramentas para marcenaria recomendadas para iniciar:

Qual destas ferramentas para marcenaria você já conhecia?